terça-feira, 9 de dezembro de 2014

GRUPO DE OPOSIÇÃO ELEGE NOVA MESA DIRETORA DA CÂMARA DE ALTANEIRA

Vereador Professor Adeilton, Zuleide Oliveira e Genival Ponciano
O Grupo de Oposição de Altaneira representada pelos Vereadores Professor Adeilton - PP, Zuleide Oliveira - PSDB e Genival Ponciano - PDT conseguiram nessa tarde de hoje, 9/12, unir duas Vereadoras para alcançarem êxito nas eleições da Câmara Municipal.


As Vereadoras Lélia Oliveira – PcdoB e Alice Gonçalves – PSB se engajaram junto ao Ex-Vereador Raimundo Rodrigues (Raimundim) e com o Grupo de Oposição elegeram Lélia Oliveira – Presidente, Genival Ponciano – Vice-Presidente e Alice Gonçalves – Secretária.

O candidato do Prefeito foi o Vereador Antonio Leite – PROS que obteve 4 votos. Enquanto Lélia Oliveira, candidata da oposição, obteve 5 votos. As votações para os demais cargos seguiram a mesma lógica. Votaram no candidato Antonio Leite: Edezyo Jalled, Gilson Cruz, Flávio Correia e o próprio candidato. Já Professor Adeilton, Genival Ponciano, Zuleide Oliveira, Alice Gonçalves e Lélia Oliveira votaram em Lélia para Presidente e para os demais cargos.

Após a votação o candidato derrotado Antonio Leite fez um discurso inflamado, coberto de desavenças, acusando a Presidente Lélia de corrupção e incapacitada para o cargo de Presidente. Além de chamá-la de traidora, afirmou que havia deixado de ser Presidente na eleição passada para ser traído por ela nesse dia de hoje. O Vereador foi seguido por seus correligionários que criticaram com veemência a atual e reeleita Presidente Lélia. Edezyo classificou o grupo de maioria como “Grupo Teatral”, afirmou que tudo assistido até aqui não passava de uma encenação. Acusou a Presidenta de desrespeitar as leis e o Regimento Interno da Câmara.

A Câmara recebeu um pequeno público durante a votação, entre Secretários Municipais, Servidores Públicos e familiares do Prefeito. Logo após a votação alguns se retiraram para digerir a derrota e depois retornaram para ouvir o pronunciamento das lideranças.

Todo grupo vencedor unido com o Ex-Prefeito Dorival e o Ex-Vereador Raimundim onde cada um de sua forma contribuíram para conseguirmos alcançar tal façanha. Há alguns meses a base de oposição perdeu um de seus Vereadores ficando apenas com 3 Vereadores. Achávamos que não haveria meio de eleger o novo Presidente. Porém, com a colaboração do grupo de situação e pela forma como o Prefeito tem tratado seus aliados. Decepcionando-os sem cumprir seus compromissos e sem respeitá-lo em suas decisões.

Em seu pronunciamento o Vereador Genival Ponciano agradeceu os votos e aproveitou para criticar a posição do atual Secretário e Vereador Deza que está retornando a Casa, pela falta de coerência e por tantas vezes cobrar e na hora que obteve o dever de fazer se negou.

A Presidente reeleita agradeceu os votos e afirmou ter sido abandonada pelo atual gestor. Falou das perseguições sofrida por seus amigos e por seus familiares. Alegou que tomou essa posição por não aguentar mais ser tão perseguida e por não ser ouvida na defesa do nosso povo humilhado.

“Eu vim para defender os menos favorecidos e não pra ser humilhada pelo grupo que ajudou colocar no poder, vocês não se preocuparam em me convidar ou questionaram minha ausência na campanha, ainda participei de alguns atos por que meu partido apoiou Camilo Santana. Essa Casa se encontra processada pelo Vereador Flávio, Vereador Deza e pelo Prefeito Municipal, como continuar num grupo de amigos que me persegue e me processa? O destino me colocou aqui novamente, irei resolver todos os “abacaxis” e deixar essa Casa ainda melhor. Trabalhei por esse grupo por três mandatos gastando meu suor e não recebi nenhuma consideração por isso. Sinto saudades do meu grupo, aquele grupo unido e respeitador, mas isso acabou. Eu não poderia ficar numa bancada que não nos respeita, que não nos ouve. O senhor Prefeito se intrigou de mim, quase ninguém da situação fala comigo. Olha se eu for falar o que acompanho os senhores não irão gostar. Eu não tenho carro agregado e nem quero, os senhores que tem carro agregado se cuidem, não sou eu que irei denunciar, mas o Fantástico pode vir ai, cadê o dinheiro que estava aqui? Acrescentou a Parlamentar.


A vitória conseguida nessa tarde de hoje não direcionamos a uma pessoa e muito menos a um planejamento ou busca de desesperada pelo poder. As coisas aconteceram de maneira natural, tivemos como principal responsável o atual gestor.