quinta-feira, 11 de setembro de 2014

PORQUE QUEREM TRANSFORMAR O CAÇADOR EM CASSA


Recebendo comenda em Fortaleza.

O Vereador Professor Adeiton é apenas um humilde professor da rede pública de ensino e através do trabalho e da amizade que construiu durantes vários anos, nos dois últimos pleitos eleitorais, foi o Vereador mais votado, com 9,87% dos votos válidos em 2008 e 12,59% em 2012 no município de Altaneira. Fato que nunca havia ocorrido em nossa cidade, um mesmo Vereador ser o mais votado em duas eleições seguidas.   


Através do seu trabalho parlamentar, por vários anos seguidos é escolhido, em pesquisa feita na cidade, como o Vereador mais atuante do município de Altaneira. Por suas atuações já recebeu várias comendas, placas e medalhas do Instituto Tiradentes de Minas Gerais.

O Vereador é líder da Oposição, ferrenho fiscalizador e, juntamente com o Vereador Genival Ponciano, temos denunciado supostas práticas ilícitas na atual administração. Tais como:

1 – Denúncias por gastos exagerados com diárias pessoais pelo Expresidente e atual Secretário de Educação, Deza Soares;
2 – Denúncias por gastos exagerados na recuperação de estradas vicinais, pelo Ex-Secretário de Infraestrutura e atual Vereador Antonio Leite;
3 – Denúncias por obras inacabadas, sem funcionamento; como o abastecimento de água no Sítio Chapada dos Romeiros de responsabilidade do Ex-Secretário de Infraestrutura e atual Vereador Antonio Leite e do Ex-Prefeito Raimundim; 
4 – Representação por Prática de Nepotismo;
5 – Representação por práticas de infrações políticas-administrativas;
6 – Denúncias sobre criação de empresas em nomes de laranjas para favorecimento em processos licitatórios;
7 – Representação por Irregularidades em processos licitatórios;

Tais procedimentos foram protocolados no Ministério Público, na Delegacia Contra Crimes na Administração e Finanças Públicas, na Procuradoria de Justiça dos Crimes Contra Administração Pública e no Tribunal de Contas dos Municípios.

Dessa forma o Vereador Professor Adeilton passou a ser tratado como inimigo número um dos atuais gestores da municipalidade, que de forma perversa e antidemocrática, vem patrocinando e incentivando a criação de inverdades em desfavor desse parlamentar.

Vale registrar que o Vereador Flávio Correia que manifesta interesse em apurar duas diárias no valor de R$ 200,00, em 2011 colocou seu restaurante no nome de sua cunhada para vender “quentinhas” (refeições) à prefeitura. Pois por ser Vereador estava impedido legalmente de realizar esse evento.  Fato já assumido pelo Parlamentar em plenário da Câmara Municipal. Atento ainda para a falta de investigação e compromentimento com os fatos, onde no mesmo mês em que foi localizado as diárias em questão, existem várias outras diárias cedidas a outros Vereadores nos mesmos moldes e até para as mesmas cidades.

O Vereador Professor Adeilton tem todo interesse em esclarecer todos os fatos em que estiverem envolvidos, inclusive já solicitamos aos órgãos competentes, documentação para os esclarecimentos dessas inverdades e tentativas de desviar o foco sobre os possíveis atos ilegais cometidos pelos atuais gestores.