terça-feira, 26 de agosto de 2014

PREFEITO DE ALTANEIRA ESPERA APENAS O RESULTADO DA PRÓXIMA PESQUISA PRA "VIRAR"

Prefeito Delvamberto ao lado de Cid. Foto: blogdeAltaneira.
Segundo matéria publicada pelo site Miséria.com, o Prefeito de Altaneira - CE, Delvamberto Soares do PROS, está aguardando apenas o resultado da próxima pesquisa eleitoral para governador do estado para aderir a campanha do Pmdebista Eunício Oliveira.


O Jornalista Madson Vagner publicou na sua coluna Bastidores da Política no site Miséria:

"Em Altaneira, diferente de Assaré, até os opostos devem se atrair nos próximos dias. É grande a expectativa para o anúncio do prefeito Delvamberto Soares sobre o apoio a candidatura do peemedebista Eunício Oliveira. Delvamberto ainda está fechado com a candidatura de Camilo Santana, mas, segundo informações seguras, ele espera apenas o resultado da próxima pesquisa para fazer o anúncio. A mudança de Delvamaberto deve acontecer também na proporcional. O prefeito vai trocar Sineval Roque por Daniel Oliveira na disputa estadual. O problema é que o ex-prefeito Antônio Dorival, que já estava com Eunício, não está gostando nada. A unificação deve virar uma dor de cabeça para a coordenação de Eunício. Afinal, é preciso decidir quem coordena a campanha do peemedebista em Altaneira. Vamos esperar!"

Acreditamos que isso não acontecerá, mesmo porque, o Prefeito de Altaneira tem compromisso firmado com o Governador Cid Gomes. Todas as obras em andamento em Altaneira foram enviadas pelo governador. Seria um traição e covardia muito grande do Prefeito com o grupo que lhe apoiou nas suas duas eleições e que durante os últimos anos tem atendido vários pedidos do atual Gestor de Altaneira.

Em conversa com algumas lideranças ligadas ao candidato ao governo do estado  Eunício Oliveira, eles nos garantiram que o Prefeito tem data agendada para "virar", abandonando a candidatura de Camilo e apoiar a de Eunício. 

É lamentável a posição que alguns políticos veem tomando nessa eleição. Mudam de lado com medo de perder.Acredito que esses políticos não terão credibilidade e muito menos postura para cobrar dos eleitores lealdade e compromisso com os seus candidatos.