segunda-feira, 17 de março de 2014

PROFESSORES DE ALTANEIRA REALIZAM MANISFESTAÇÃO EM APOIO A GREVE NACIONAL

Professores reunidos na sede do SINSEMA. Foto: João Alves.
Os professores de Altaneira – CE que aderiram a PARALISAÇÃO de apoio a Greve Nacional proposta pela CNTE, realizaram nessa manhã de segunda, 17/03, manifesto pelas principais ruas da cidade até a Rádio Altaneira FM.

Em caminhada pacífica, com quase 40 professores, com cartazes, faixas e apitos, levaram as ruas de Altaneira seu protesto em busca de maior respeito e mais investimentos para educação pública. Tínhamos uma confirmação maior de participantes, mas após a pressão imposta pelo Secretário de Educação que foi às escolas propor que os professores assinassem se eram favoráveis a paralisação e enviar nota comunicando que haveria aula normal, muitos dos que haviam confirmado presença no movimento, voltaram atrás e não participaram.

Os Professores apoiaram as reivindicações nacionais propostas pela CNTE, conforme cartaz abaixo:


Além das questões nacionais, os professores também comungam das cobranças mencionadas na carta aberta elaborada na Assembleia Geral da APEOC:


Como ainda, os professores elaboraram algumas cobranças e reivindicações a nível municipal, tais como:
·        Os reajustes concedidos pelo governo federal, referente aos anos de 2012, 2013 e 2014;
·        Melhorias nas condições de trabalho;
·        Concurso público já, tendo em vista que o quadro de professores temporários ultrapassa 32% do total de professores;
·        Respeito ao PCCRM municipal;
·        Ampliação da carga horária dos profissionais em que existe carência em sua área de atuação.

Em nossa caminhada fomos até a Escolinha Disneylândia, EMEF Joaquim Rufino e a sede da Secretária Municipal de Educação, diante de todas, parávamos e convidamos todos os profissionais, alunos, pais de alunos a paralisarmos por dois dias suas atividades em protesto pelos poucos investimentos e na reivindicação  de melhorias para educação nacional.

Já na Rádio Altaneira FM, os Professores Fabricio Ferraz, representando os Professores do Estado e Maria Núbia representando os professores do município engajados no movimento, concederam entrevistas aos apresentadores do jornal diário Noticias em Destaque, acompanhados da Professora Lucena e José Evantuil, dirigentes do SINSEMA.

Em suas colocações os professores relembraram as reivindicações nacionais, estaduais e municipais. Todos lamentaram a pequena adesão dos profissionais em educação de Altaneira. Porém ressaltaram a coragem e a qualidade das atividades desenvolvidas durante esses dois dias de paralisação. A Diretora Sindical Lucena, ao ser questionada pelo repórter da cidade João de Olívio, falou a respeito da visita do Secretário de Educação ao SINSEMA, minutos antes da manifestação.

As escolas municipais tentaram funcionar normalmente, a que apresentou maior dificuldade foi a EEMF 18 de Dezembro, maior escola do município. Além da paralisação dos professores, mais da metade dos alunos não foram a escola. E com menos da metade dos alunos do turno manhã presentes, todos da gestão foram pra sala de aula para tentar fazer funcionar. Dos quase 280 alunos que estudam pela manhã, menos de 120 compareceram.

O professor Fabrício retratou em sua entrevista uma imagem que lhe chamou a atenção: "Em nossa caminhada, passando em frente a uma das escola do município, percebi uma professora com seus alunos acompanhando a movimentação de fora pela janela da sala, pelo semblante parecia querer está conosco, isso me faz acreditar que mesmo com um número reduzido, essas reivindicações que estamos cobrando devem ser anseios de todos", expressou o professor.

“Ele veio entregar um oficio contendo a relação dos professores que assinaram a carta aberta enviada as escolas. E solicitou que avisássemos aos professores presentes que participaria da paralisação que esses dois dias serão descontados em sua totalidade, como também, não iria ofertar transporte para que houvesse a reposição das aulas. Pedir que o mesmo fizesse os informes e ele se recusou”, relatou a dirigente.

Nossa agenda de atividades durante os dois dias de PARALISAÇÃO é a seguinte:

Dia /horário
Local
Atividades
Segunda 17/03 – a partir das 8h
SINSEMA
1 – Debate e análise das reivindicações nacionais e estaduais;
2 – Elaboração das reivindicações municipais;
3 – confecção de cartaz e faixas.
Segunda 17/03 – às 10h 30min
Ruas da cidade
4 – Caminhada pelas principais ruas da cidade em direção a Rádio Altaneira FM;
Segunda 17/03 – às 12h
ARCA
Entrevistas na Rádio Altaneira FM sobre a paralisação de apoio a Greve Nacional.
Terça 18/03, pela manhã.
Cybers, Residências.
Publicações e compartilhamentos nas redes sociais, blogs a respeito das atividades realizadas no dia 17/03;
Terça 18/03 – às 13h
SINSEMA
1 – Análise das atividades realizadas na segunda 17/03;’
Terça 18/03 – às 14h
Ruas da cidade
Caminhada pelas principais ruas da cidade até a Câmara de Vereadores.
Terça 18/03 – às 15h
Câmara de Vereadores
Participação na Sessão Ordinária na Câmara de Vereadores.


Convidamos todos a participarem desse momento de paralisação em apoio a Greve Nacional. A luta por uma educação melhor é responsabilidade de todos nós.

Se você acredita que a educação pode melhorar o futuro de nossa nação, apoie e defenda a mesma.


Informamos a todos que nossa luta e protesto não é contra partido politico, muito menos em defesa de interesse particular, mais sim em defesa da educação.

Confira fotos da  manifestação do Garoto Beleza: