sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

PAIS DE ALUNOS DA ESCOLA JOAQUIM RUFINO COBRAM PROVIDÊNCIAS SOBRE QUEDA DE MURO






 Durante essa semana, recebemos ligações de pais e mães de alunos da Escola Municipal Joaquim Rufino solicitando nosso apoio e empenho na busca de providências a respeito da queda do muro que limita a Escola da residência do Ex-Prefeito Antônio Dorival.

A Escola Joaquim Rufino funciona no período matutino e tarde e oferta do 1º ao 5º ano do ensino fundamental I.

Pelas informações repassadas por uma mãe, o muro caiu há mais de 15 dias durante uma dessas chuvas de maior frequência. As mães alegam que em nenhum momento a Direção da Escola convocou os pais e/ou responsáveis para que os mesmos tomassem conhecimento, foram informados pelos próprios filhos.

A preocupação das mães se torna desesperadora pelo motivo de na residência do Ex-Prefeito existir uma piscina e com a queda do muro o acesso à mesma se tornou livre. Essa semana uma criança foi empurrada por um dos seus coleguinhas dentro da piscina, por sorte, a mesma sabia nadar, caso contrario poderia teria ocorrido uma tragédia.

Na manhã de ontem, 27/02, fizemos uma visita ao local e, de fato, as mães estão cobertas de razão, com a queda do muro, as crianças ficam expostas a um grave risco que é o livre acesso a piscina do quintal de tal residência.

Procuramos o Ex-Prefeito Dorival e o mesmo informou que já havia conversado e tentado acordo com o Prefeito e o mesmo havia lhe indicado que procurasse o Secretário de Infraestrutura. O mesmo relata que se colocou a disposição para dividir os gastos com a reparação da parte destruída pela ação das chuvas.

Conversamos com alguns dos responsáveis pelo Departamento de Obras da Prefeitura e fomos informados que iriam fazer alguns reparos no local para evitar os riscos para as crianças.

Hoje pela manhã, 28/02, passamos no local e nos deparamos com funcionários da Prefeitura fazendo um paliativo. Os mesmos estavam fixando grades de proteção no local para evitar que os alunos tenham acesso ao quintal onde fica a piscina. Segundo os mesmos, as grades serão mantidas enquanto passa o período chuvoso e depois procurarão o Ex-Prefeito para, em acordo, solucionarem o problema.

Tornamos público mais essa ação, pois na próxima terça não haverá Sessão e as mães já podem ir ficando mais tranquilas, pois o problema já foi amenizado.


Registramos também a ideia interessante dos funcionários da prefeitura em colocar as grades durante esse período de chuvas evitando uma tragédia e aproveitamos para cobrar empenho do gestor municipal na resolução de mais esse problema.

Mais fotos: