terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

BANDA DE MÚSICA PADRE DAVID MOREIRA ESTA SUCATEADA E CLAMA POR SOCORRO

Sala de ensaio dos músicos da Banda Padre David Moreira.
A Banda de Música Padre David Moreira foi criada em 2005 com o objetivo de proporcionar o aprendizado e incentivar a divulgação da música clássica em nosso município, atendendo prioritariamente a alunos do ensino público, servidores públicos municipais e pessoas de nossa comunidade.

Nas ultimas semanas, recebemos informações de que nos últimos anos, os componentes da referida Banda vem enfrentando diversas dificuldades e sofrendo com o descaso da atual administração que não atende as reivindicações dos músicos.

Hoje pela manhã, 25/02, fizemos uma visita à sede da Banda, mais conhecido como “Casa da Banda” e detectamos que a situação é vergonhosa e gritante. Os músicos nos mostraram diversos instrumentos com defeitos, outros foram consertados pelo maestro da Banda que já tem mais de R$ 1.000,00 investido do próprio bolso com compra de alguns equipamentos para que os instrumentos não fiquem sem uso e a Banda não pare de fazer suas belíssimas apresentações. Os componentes não possuem se quer água para beber, a não ser da torneira da pia vinda da caixa que abastece a residência.

 
Torneira onde os jovens bebem água guando sentem sede, segundo os mesmos.

Os jovens estudantes nos relataram que já marcaram diversas reuniões com a Secretária de Cultura, Ana Rodrigues, a mesma faz anotações e nada resolve. No último campeonato de campo a Banda decidiu a não se apresentar por está com o pagamento de suas bolsas atrasadas e não verem empenho da responsável em resolver a situação. Por essa posição, alguns jovens foram ameaçados com frases do tipo: “vocês quem sabem, é melhor tocar agora e o ano que vem também. Ou...”

O incentivo da Banda foi regulamentado pela Lei Nº. 546 de 25 de janeiro de 2012. O valor do incentivo financeiro foi fixado em R$ 120,00. Os jovens lamentam ainda que não receberam o pagamento do mês de abril do ano passado e está há dois meses em atraso. Segundo informações, a Secretária teria dito que os mesmos não devem se preocupar com o incentivo e sim tocar pelo amor a música.

Existe uma falta de compromisso, de zelo, de preocupação com o presente e com o futuro de uma das maiores alegrias e talentos que possuímos. A estrutura física da casa é favorável, porém os móveis e demais equipamentos para o momentos de ensaios são precários. Muitos reclamam também, quando tem que ir tocar fora da sede do município, são transportados em carros desapropriados como D20 sem capota e que em muitas vezes não cabem todos com seus instrumentos.  

Informamos que estamos realizando fiscalização nas prestações de contas do exercício financeiro de 2013 e já detectamos diversos gastos que julgamos “desnecessários ou exagerados”, assim existe na verdade uma falta de prioridades e ainda uma desvalorização por parte da atual gestão com um dos nossos maiores patrimônios cultural de nossa terra.

Queremos aproveitar para cobrarmos providência ao gestor municipal. Não podemos aceitar que um dos nossos maiores patrimônios culturais se encontre num estado como esse. Como que iremos incentivar nossos jovens a se livrar dos caminhos errados? Como investir em cultura se não faz o mínimo possível?

Em todas as atividades escolares, comemorativas, cívicas, nossa Banda de Música é motivo de muito orgulho. Tornou-se fundamental e uma das melhores e maiores conquistas dos últimos tempos. Unamos forças e cobremos providências das nossas autoridades.  

Ficamos tristes, desnorteados com tamanho descaso e nos perguntamos:


O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM OS RECURSOS PÚBLICOS EM ALTANEIRA???

Mais fotos:
Cadeiras que eram usadas para os ensaios.

Caixa d´água que abastece a casa.
Alguns instrumentos da banda.