sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

PAIS DE ALUNOS DA ESCOLA JOAQUIM RUFINO COBRAM PROVIDÊNCIAS SOBRE QUEDA DE MURO






 Durante essa semana, recebemos ligações de pais e mães de alunos da Escola Municipal Joaquim Rufino solicitando nosso apoio e empenho na busca de providências a respeito da queda do muro que limita a Escola da residência do Ex-Prefeito Antônio Dorival.

A Escola Joaquim Rufino funciona no período matutino e tarde e oferta do 1º ao 5º ano do ensino fundamental I.

Pelas informações repassadas por uma mãe, o muro caiu há mais de 15 dias durante uma dessas chuvas de maior frequência. As mães alegam que em nenhum momento a Direção da Escola convocou os pais e/ou responsáveis para que os mesmos tomassem conhecimento, foram informados pelos próprios filhos.

A preocupação das mães se torna desesperadora pelo motivo de na residência do Ex-Prefeito existir uma piscina e com a queda do muro o acesso à mesma se tornou livre. Essa semana uma criança foi empurrada por um dos seus coleguinhas dentro da piscina, por sorte, a mesma sabia nadar, caso contrario poderia teria ocorrido uma tragédia.

Na manhã de ontem, 27/02, fizemos uma visita ao local e, de fato, as mães estão cobertas de razão, com a queda do muro, as crianças ficam expostas a um grave risco que é o livre acesso a piscina do quintal de tal residência.

Procuramos o Ex-Prefeito Dorival e o mesmo informou que já havia conversado e tentado acordo com o Prefeito e o mesmo havia lhe indicado que procurasse o Secretário de Infraestrutura. O mesmo relata que se colocou a disposição para dividir os gastos com a reparação da parte destruída pela ação das chuvas.

Conversamos com alguns dos responsáveis pelo Departamento de Obras da Prefeitura e fomos informados que iriam fazer alguns reparos no local para evitar os riscos para as crianças.

Hoje pela manhã, 28/02, passamos no local e nos deparamos com funcionários da Prefeitura fazendo um paliativo. Os mesmos estavam fixando grades de proteção no local para evitar que os alunos tenham acesso ao quintal onde fica a piscina. Segundo os mesmos, as grades serão mantidas enquanto passa o período chuvoso e depois procurarão o Ex-Prefeito para, em acordo, solucionarem o problema.

Tornamos público mais essa ação, pois na próxima terça não haverá Sessão e as mães já podem ir ficando mais tranquilas, pois o problema já foi amenizado.


Registramos também a ideia interessante dos funcionários da prefeitura em colocar as grades durante esse período de chuvas evitando uma tragédia e aproveitamos para cobrar empenho do gestor municipal na resolução de mais esse problema.

Mais fotos:








quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

MÚSICO DA BANDA PADRE DAVID MOREIRA PUBLICA DESABAFO SOBRE A SITUAÇÃO QUE ENFRENTAM

O Músico Cleison Araújo em uma das apresentações da Banda
Após a nossa denuncia realizada na ultima Sessão da Câmara de Vereadores sobre a triste situação em que se encontra a nossa Banda de Música Padre David Moreira, várias pessoas tem se empenhado na cobrança de providências a esse respeito.

O Músico e Componente da Banda de Música publicou um texto em nossa postagem na rede social facebook relatando a situação da banda e ainda cobrando e desejando que isso se resolva rápido e da melhor forma possível.

Leia o texto publicado:

Quando falamos algo que precisa ser resolvido ou que não esta andando como deveria ser, não quer dizer que estamos tentando prejudicar A ou B quando levamos a frente, mais sim que queremos e esperamos um Resultado positivo.
A Banda de Musica esta enfrentando alguns problemas de pagamento de Manutenção de alguns objetos que são importantes para o funcionamento da mesma e que estamos precisando de um apoio sim para poder continuar tocando e alegrando nossa cidade que isso sim é a melhor coisa que procuramos fazer. 
Eu também só gostaria de Dizer aos colegas leitores e amigos da Banda que como já descrevi no começo, não estou aqui para descriminar ninguém nem falar que lado A ou B fizeram ou farão melhor, pois prefiro viver o presente e no presente estamos Lutando por uma melhoria de nossa Banda Municipal.
O importante no momento para nos que fazemos a banda e concluir os pontos que faltam para que posamos continuar com nossos ensaios e tocando assim como já estamos fazendo mesmo com os problemas, pois diferente do que muita gente pode pensar tocamos por Amor, por gostar de tocar e não por Dinheiro, o Dinheiro é um incentivo uma Pequena ajuda que perto do prazer de tocar, de ser musico, não significa nada, mais que se estamos cobrando é porque é um direito nosso segundo a Lei.
Entendo que tudo tem o seu devido tempo e temos que ter paciência par que as coisas posam se resolver como deve ser, com tudo Obrigado aos contribuintes para essa melhoria, obrigado aos Vereadores da nossa Câmara municipal que nos convidaram e nos receberam de braços aberto e Meus votos é que tudo termine bem.

O jovem músico Cleison Araújo é um dos mais veteranos da atual composição da Banda de Música Padre David Moreira. Além de integrante da Banda, o jovem é um apaixonado pela Música. É dono de uma Lan House e Blogueiro.


Fomos informados que a Secretária de Cultura, Ana Maria Rodrigues, realizou no dia de ontem, 26/02, uma reunião com os componentes da Banda e que havia garantido que tais problemas e reivindicações seriam solucionados. torcemos para que tudo seja, de fato, resolvido.

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

SECRETÁRIA DE CULTURA LAMENTA A SITUAÇÃO DA BANDA DE MÚSICA E FALTA DE RECURSOS PARA CULTURA ALTANEIRENSE

Secretária de Cultura, Ana Maria. Foto: GB.
Após ser denunciada ontem na Câmara de Vereadores e neste Blog a triste situação em que se encontra a Banda de Música Padre David Moreira que foi criada em 2005 com o objetivo de proporcionar o aprendizado e incentivar a divulgação da música clássica em nosso município, atendendo prioritariamente a alunos do ensino público, servidores públicos municipais e pessoas de nossa comunidade. A Secretária de Cultura, Ana Maria A. Rodrigues, publicou em seu perfil na rede social FACEBOOK nota esclarecendo algumas reivindicações já atendidas em benefícios da Banda de Música.

A Secretária inicia elogiando a nossa postura e trabalho em frente ao mandato de Vereador e como Professor. Cita a mesma:

A priori, parabenizo a EXCELENTE INICIATIVA em provocar em nossos jovens questionamentos e inquietações, sobretudo, a participação política, buscando assim um melhoramento junto à banda de música Pe. David de Moreira. Que estas iniciativas não se restrinja a questões especificas, no caso a banda, mais que essas proposições de mudanças sejam percebidas em outros espaços, sejam eles culturais, educacionais, dentre outros. Adeilton, sem dúvidas, tem cumprindo muito bem o papel que lhe compete enquanto professor e vereador deste município.

Em sua nota há um desabafo forte que merece a nossa atenção e reflexão.

A Secretária de Cultura afirma ser CIENTE das dificuldades enfrentadas pela banda de música municipal e que também sabe do valor cultural que a mesma representa para todos nós e a importância que tem na vida desses jovens.

Faltam mais investimentos? Faltam. Poderiam ser mais valorizados? Poderiam. Porém, é sabido que o incentivo a cultura NESTE PAÍS ainda são precárias, deixadas para segundo plano. Gostaria muito de contribuir de outra forma, mas trabalho apenas com o que tenho disponível. Afirma a Secretária.

Devemos registrar que o Secretário de administração e Finanças, Ariovaldo Soares, é o gestor da Secretária de Cultura. Não entendemos porque se prega tanto que esse Prefeito dá total autonomia aos seus Secretários e os mesmos não podem nem gerir os recursos de sua Secretaria. Que autonomia é essa?

Em Altaneira acompanhamos vários Secretários que vivem a espera da boa vontade do Prefeito e ainda de um Secretário que gere os recursos de sua pasta.

Não podemos é tolerar que por falta de gestão, nossos patrimônios culturais sejam sucateados ou até extintos. Acompanhamos gastos no município com coisas “menos” necessárias ou um exagero em outros contratos. Cito como exemplo a imensa quantidade de assessoria que o município contrata. Existe assessoria contratada até para tirar XÉROX.

Por fim a Secretária se coloca a disposição e afirma acreditar no poder do diálogo e que é através dele que podemos ajustar nossos passos em busca de MUDANÇAS, sempre necessárias e precisas.

Ficamos no aguardo da resolução de mais esse grave problema e a disposição da Banda de Música e também da Secretária de Cultura que deve urgentemente buscar entendimento como o gestor mó, o senhor Prefeito, se acreditas no diálogo, então busca conversar com o Prefeito, garanto existir recursos suficientes para que tais atividades sejam levadas a frente com maior zelo e garantir a nossos jovens um futuro melhor.


LEIA A NOTA DA SECRETÁRIA DE CULTURA CLICANDO AQUI.

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

BANDA DE MÚSICA PADRE DAVID MOREIRA ESTA SUCATEADA E CLAMA POR SOCORRO

Sala de ensaio dos músicos da Banda Padre David Moreira.
A Banda de Música Padre David Moreira foi criada em 2005 com o objetivo de proporcionar o aprendizado e incentivar a divulgação da música clássica em nosso município, atendendo prioritariamente a alunos do ensino público, servidores públicos municipais e pessoas de nossa comunidade.

Nas ultimas semanas, recebemos informações de que nos últimos anos, os componentes da referida Banda vem enfrentando diversas dificuldades e sofrendo com o descaso da atual administração que não atende as reivindicações dos músicos.

Hoje pela manhã, 25/02, fizemos uma visita à sede da Banda, mais conhecido como “Casa da Banda” e detectamos que a situação é vergonhosa e gritante. Os músicos nos mostraram diversos instrumentos com defeitos, outros foram consertados pelo maestro da Banda que já tem mais de R$ 1.000,00 investido do próprio bolso com compra de alguns equipamentos para que os instrumentos não fiquem sem uso e a Banda não pare de fazer suas belíssimas apresentações. Os componentes não possuem se quer água para beber, a não ser da torneira da pia vinda da caixa que abastece a residência.

 
Torneira onde os jovens bebem água guando sentem sede, segundo os mesmos.

Os jovens estudantes nos relataram que já marcaram diversas reuniões com a Secretária de Cultura, Ana Rodrigues, a mesma faz anotações e nada resolve. No último campeonato de campo a Banda decidiu a não se apresentar por está com o pagamento de suas bolsas atrasadas e não verem empenho da responsável em resolver a situação. Por essa posição, alguns jovens foram ameaçados com frases do tipo: “vocês quem sabem, é melhor tocar agora e o ano que vem também. Ou...”

O incentivo da Banda foi regulamentado pela Lei Nº. 546 de 25 de janeiro de 2012. O valor do incentivo financeiro foi fixado em R$ 120,00. Os jovens lamentam ainda que não receberam o pagamento do mês de abril do ano passado e está há dois meses em atraso. Segundo informações, a Secretária teria dito que os mesmos não devem se preocupar com o incentivo e sim tocar pelo amor a música.

Existe uma falta de compromisso, de zelo, de preocupação com o presente e com o futuro de uma das maiores alegrias e talentos que possuímos. A estrutura física da casa é favorável, porém os móveis e demais equipamentos para o momentos de ensaios são precários. Muitos reclamam também, quando tem que ir tocar fora da sede do município, são transportados em carros desapropriados como D20 sem capota e que em muitas vezes não cabem todos com seus instrumentos.  

Informamos que estamos realizando fiscalização nas prestações de contas do exercício financeiro de 2013 e já detectamos diversos gastos que julgamos “desnecessários ou exagerados”, assim existe na verdade uma falta de prioridades e ainda uma desvalorização por parte da atual gestão com um dos nossos maiores patrimônios cultural de nossa terra.

Queremos aproveitar para cobrarmos providência ao gestor municipal. Não podemos aceitar que um dos nossos maiores patrimônios culturais se encontre num estado como esse. Como que iremos incentivar nossos jovens a se livrar dos caminhos errados? Como investir em cultura se não faz o mínimo possível?

Em todas as atividades escolares, comemorativas, cívicas, nossa Banda de Música é motivo de muito orgulho. Tornou-se fundamental e uma das melhores e maiores conquistas dos últimos tempos. Unamos forças e cobremos providências das nossas autoridades.  

Ficamos tristes, desnorteados com tamanho descaso e nos perguntamos:


O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM OS RECURSOS PÚBLICOS EM ALTANEIRA???

Mais fotos:
Cadeiras que eram usadas para os ensaios.

Caixa d´água que abastece a casa.
Alguns instrumentos da banda.

MELANCIA CÁ E COLORAU LÁ!

Os Vereadores de Santana do Cariri, no sul do Ceará, denunciaram nesta segunda-feira (24), a compra, pela Prefeitura do Município, de quase uma tonelada de um produto para ser usado na merenda escolar: o colorau.

De acordo com a denúncia, a Prefeitura de Santana do Cariri comprou em dezembro de 2013, por meio de compra direta, 889 quilos de colorau ao custo de R$ 5.100. Fabricado a partir da semente do urucum, o corolau não tem nenhum valor nutritivo e é utilizado apenas como corante na preparação de carnes e massas.

A denúncia partiu dos vereadores Arclébio Dias (PSB) e Gilvaneide Sisnando (PT). “Estamos na base final da peça de denúncia para que possamos dar entrada em todos os órgãos competentes no nosso estado. Iremos fazer isso no TCU [Tribunal de Contas da União], no Ministério Público Federal (MPF-CE) e, possivelmente na Polícia Federal (PF), uma vez que se trata de verba federal”, explica Arclébio Dias.


A compra direta permite que o gestor utilize até 30% dos recursos destinados à merenda escolar para adquirir itens de produtores locais, a fim de valorizar a agricultura familiar. “A gente verificou que não existe produtor de colorau aqui no município. Um dos produtores [que aparece na nota fiscal] é meu vizinho e eu nunca vi um pé de urucum na propriedade dele”, diz a vereadora Gilvaneide Sisnando.
O vereador João Cabral (PT), líder da Prefeita na Câmara, tenta explicar a compra e erra na conta. “No final de 2013 resolvemos comprar para o ano letivo [de 2014]. Se a população pegar 889 quilos e dividor por 18 [o número de escolas do município] vão dar quase 50 quilos por escola. Pegando esses 50 quilos e dividindo por 10 meses vão dar 5 quilos por mês. Dividindo os 5 quilos por 20 dias letivos vamos ter 500 gramas por dia (sic)”. Fazendo a conta correta, temos 250 gramas de colorau por escola/dia. Quantidade grande para uso diário.
Segundo o Secretário de Governo da Prefeitura, Enéas Nogueira Neto, providências já foram tomadas para o esclarecimento da compra de colorau. “A prefeita [Danieli de Abreu Machado] decidiu afastar imediatamente a secretária de Educação [Ana Maria Sisnando de Melo] para que a gente possa apurar o fato e, constatada a irregularidade a gente [vai] tomar as providências cabíveis”.

Denunciamos aqui em Altaneira denunciamos que a empresa vencedora de uma licitação era uma velha conhecida do município, a João Matias Rodrigues – ME, pois tem sido a vencedora de todas as licitações que envolvem gêneros alimentícios, matérias de escritórios, etc. em nosso município, desde que os atuais gestores chegaram ao poder.

Vários valores expostos em tal licitação chamaram a atenção dos Parlamentares Altaneirenses.

Entre muitos os que merecem maiores investigações e reclamações são: R$ 12.375,00 para compra de LARANJAS. R$ 11.491,00 para aquisição de macaxeira e R$ 37.000,00 para compra de MELANCIA. Acreditem 37.000 reais para serem gastos com melancia. Registramos que o responsável pela homologação de todo processo é o então Secretário de Educação o VereadorDEZA SOARES, que antes era sinônimo de moralidade, transparência, ética e responsabilidade. Hoje todos esses atributos que o mesmo dizia ter caíram por terra.

Foi publicado pelo Advogado Raimundo Soares em seu perfil no facebook uma foto do Secretário de Finanças Ariovaldo Soares se deliciando com uma enorme fatia de melancia e o jurista ironiza:


“O Secretário é outro, mas seria da mesma melancia?”

 

 

 

A denuncia de Santana do Cariri já está no site da globo e a nossa ainda em pé de investigação.



segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

PREFEITO E SECRETÁRIO ENTERRAM DE VEZ ESPERANÇA DE REAJUSTE PARA OS PROFESSORES

Secretário de Educação e o Prefeito. Foto: Garoto Beleza.
O Prefeito, Delvamberto Soares, e os Secretários de Educação, Deza Soares, o Secretário de Administração e Finanças, Ariovaldo Soares, ambos tio do Prefeito, realizaram reunião nessa noite, 24/02, com os professores de Altaneira para opinarem sobre a redução no salário dos Professores Temporários encaminhada a Câmara de Vereadores. Acreditamos que tal decisão veio acontecer devido a pressão aplicada pelos Professores e pela Câmara.

Após o Secretário de Educação expor como seria a redução salarial, em que o mesmo conceituou de “Adequação”, citando as previsões de redução que estão no Projeto, onde o Professor passa de R$ 1.042,00 para R$ 850,00. Vereadores e professores entraram no debate e expuseram suas posições.

O Prefeito anunciou que a proposta é aplicar 65% dos recursos do FUNDEB e não mais os 71,6% que aconteceu ano passado. Para isso seria necessário à contenção de despesas e essa proposta de reduzir o salário dos temporários já era uma das ações para alcançar essa meta. No entanto, entendia que os valores economizados seriam insignificantes. Registrou que se com as economias não fosse aplicados os 65% propostos, a sobra seria dividida com a categoria.

Para o Secretário de Educação, ainda seria preciso o remanejamento de servidores para outras secretárias e de professores foram de sala de aula para os 40%, como também, redução no número de coordenações.

Afirmamos que essa reunião não teria muito que se discutir. Pois, o Secretário deveria apresentar os valores da folha de pagamentos da forma que esta e os valores com as “economias”, para podermos entender melhor a situação e se teria sentido ou não tais economias, como ainda, saberíamos se haveria possibilidade de não atingir os 65% e assim proporcionar um reajuste a categoria.

Porém, diante dessa proposta, fica claro que não haverá possibilidade de reajuste. Se afirmam ter gasto ano passado cerca de 71,6% e querem reduzir pra 65%, não haverá a mínima chance de propor algum percentual que venha ser da economia ou do não atingir os 65%.

Saindo pela tangente o Secretário solicitou que os presentes se posicionassem a respeito da situação. Se os temporários permaneciam com o mesmo salário, isto é, se tudo continuaria como está? Ou se eram de acordo com a redução dos salários? Todos já sabem a resposta. Aclamaram pela permanência e continuar na luta pelo tão sonhado e esperado reajuste.
A professora Cicera Pereira, merecedora de nosso reconhecimento, pela coragem em participar da reunião no SINSEMA e ainda expor publicamente que era contraria a redução de seu salário, pois todos sabem que alguns servidores temporários “temem” e preferem não expor seu pensamento.

Já a Professora Núbia pediu a palavra por três vezes e não concederam, a mesma se revoltou e se retirou, indagando o porquê de estarem ali. Se não podemos falar, é somente pra assistir o que já sabemos que vai acontecer? De fato, ela tem razão, verdadeiro “pão e circo”.

Contudo, não entendemos o objetivo de tal reunião, principalmente da participação dos efetivos, a não ser para terem a certeza que aluta continua e que, basta mais uma vez, os Professores continuarem na luta e persistirem na fiscalização e acompanhamento dos gastos para tentarem garantir a concessão dos três últimos reajustes dados pelo governo federal.


Missão árdua e quase impossível se o gestor continuar com esse pensamento de retroceder também na educação, pois afirma que ano passado aplicou 71,6% e agora aplicará apenas 65%. Vai entender.

Fotos:




PROFESSORES DE ALTANEIRA SE REUNEM COM SINDICATO PARA DEBATEREM MEDIDAS A SEREM ADOTADAS POR ESTAREM HÁ MAIS DE DOIS ANOS SEM REAJUSTES

Por solicitação da Professora Maria Nubia, o SINSEMA (Sindicato dos Servidores Municipais de Altaneira) reuniu na manhã deste domingo, 23/02, cerca de 35 professores para debaterem sobre diversos problemas que afligem a  categoria.

A Professora Núbia Oliveira, foi a primeira a externar sua indignação e revolta, apontando alguns tópicos que merecem ser discutidos e analisados pela categoria.
1 – O desrespeito por parte do Secretário de Educação a Lei Nº. 539 de 28/12/2011, que institui o PCCRM. A professora relata o desrespeito na contratação de professores temporários sem respeitar o § 2º do Art. 115 da referida lei.  “§ 2º. Fica impedido a contratação temporária de professor enquanto houver profissional efetivo com carga horária de vinte horas semanais, desde que este se adéque a função de carência e esteja disponível a comprometer-se com o bom desempenho da função.”

2 – Redução em 50% da jornada de trabalho aos Professores que já alcançaram 25 anos de tempo de serviço como regulamenta a Lei Orgânica Municipal, inciso VI do Art. 190. Inclusive, Emenda de autoria do próprio Secretário, Vereador Deza Soares;

3 – Reajustes dos Professores que já está há mais de dois anos sem receber repasses efetuados pelo governo federal. Dentre outros problemas estruturais e de ordem administrativa.

Para o Professor Nonato Torres, os professores precisam lutar e impor certa pressão sobre a administração, fazer tudo de forma organizada e legalizado. O mesmo relatou a sua experiência em participar de tais movimentos e garantiu que só se engajará se a maioria apoiar.

A Presidenta do SINSEMA informou que na tarde de sábado, 22/02, recebeu a visita do Secretário de Educação acompanhado do Prefeito e do Secretário de Finanças. Os três anunciaram que irão agendar uma reunião com os professores e será proposto reajuste aos professores efetivos e aos temporários não.

Diversos professores discutiram o assunto e se colocaram a apoiar a paralisação de pelo menos um dia em protesto ao caos implantado pelo atual Secretário.

Aconselhamos e opinamos que a categoria deveria esperar essa reunião acontecer e, depois do que for de fato proposto, agendaria um novo encontro para discutirem as medidas a serem adotadas.

Recebemos informações de que a reunião será realizada hoje, 24/04, com todos os professores, Secretário de Educação, de Finanças e com o Prefeito as 19h na EMEF 18 de Dezembro.







sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

VEREADOR PROF. ADEILTON E GILSIM PARTICIPAM DE PALESTRA COM COMENTARISTA DA REDE GLOBO “CASA GRANDE”

Casa Grande  sendo entrevistado
Nesse dia de hoje, 21/02, na Escola Profissionalizante recém inaugurada do Crato, a Assembleia Legislativa do Estado do Ceará realizou encontro com Prefeitos, Vereadores, Secretários e demais autoridades da Região do Cariri para debater sobre Ação “Ceará Sem Drogas”- “Uma Luta de Todos Nós”.  

O evento contou com a participação do Ex-jogador de futebol e comentarista da rede globo de televisão, CASA GRANDE. O mesmo falou das dificuldades, sofrimentos, percas e prejuízos que enfrentou com o uso das drogas. Afirmou durante sua entrevista que o efeito e a sensação, causados pela droga é a maior mentira da humanidade.


Veja fotos do evento





:



SITE MISÉRIA REPERCUTE SITUAÇÃO DO POSTO DE SAÚDE DO DISTRITO SÃO ROMÃO

Em reportagem no quadro “BOCA NO TROMBONE” do Site Miséria.com, o repórter Demontier Tenório dá ênfase a uma das fotos que publicamos em nosso Blog e relata a triste situação em que se encontra o Posto de Saúde do Distrito São Romão após dois meses de sua inauguração.



Clamamos ao Prefeito Delvamberto e aos demais Gestores que tomem providências a respeito dessa situação. Poderemos evitar um gasto maior, agora, basta ver se ainda é possível corrigir essas grandes falhas com uma reforma.

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

DOIS MESES APÓS SER INAUGURADO POSTO DE SAÚDE DO SÃO ROMÃO SE ENCONTRA EM PÉSSIMO ESTADO


Posto de Saúde do Distrito São Romão

Na visita que fizemos ao Distrito São Romão que fica a cerca de 13 km da sede do Município de Altaneira – CE, encontramos a comunidade revoltada com a situação que se encontra o Posto de Saúde João Gualberto que foi inaugurado em meados de dezembro de 2013.

O município gastou mais de 220 mil reais na execução da obra e entregou a comunidade em dezembro de 2013, nos festejos do aniversário de Emancipação Política de nossa cidade.

Encontramos o Posto de Saúde com infiltração em todas as salas. A infiltração acontece por problemas na cobertura e esta se encontra no meio das paredes. As lâmpadas já não funcionam mais, as tomadas e interruptores se encontram todos molhados. O esgoto não funciona bem, pois não fizeram a nivelação e o Posto se encontra abaixo do nível do riacho em que tentaram jogar o esgoto pra dentro do mesmo, cavaram uma valeta e fazer a encanação, mas não foi possível.

No posto existe uma sala disponibilizada para ser montada uma farmácia para distribuição de medicamentos e por a sala esta gotejando, os remédios foram colocados sobre uma pia e coberto com uma lona preta na busca preocupante de não perdê-los.

Outro problema detectado é a falta de proteção nas janelas de vidros. O compressor utilizado pelos Dentistas nos tratamentos odontológicos foi roubado, pois o mesmo foi colocado atrás do Posto sem a proteção devida.

Ainda existem diversas partes que estão cedendo por causa da infiltração. As fossas não foram bem protegidas e também se encontram descobertas.

Clamamos ao Prefeito Delvamberto e aos demais Gestores que tomem providências a respeito dessa situação. Poderemos evitar um gasto maior, agora, basta ver se ainda é possível corrigir essas grandes falhas com uma reforma.


Acompanhe nas fotos a situação do Posto de Saúde do São Romão:

 
Uma das Salas com muita infiltração

Sala da Direção

As lâmpadas não funcionam por causa das infiltrações

Ambulatório

Sala / Dentista

Consultório Médico

Entrada

Entrada

Corredor de acesso

Farmácia de distribuição de remédios

Consultório Médico

Ambulatório



Medicamentos sobre uma pia coberto com plástico


Local onde era abrigado o compressor de onde foi roubado.

Com as infiltrações as calçadas já começam ceder, saindo do nivelamento

Janelas de vidro sem nenhuma proteção