quarta-feira, 8 de maio de 2013

PRESIDENTA DA CÂMARA DE ALTANEIRA NÃO CONSEGUE TRANSMISSÃO DA SESSÃO

Plenário da Câmara De Altaneira.

Na Sessão ordinária de ontem, 07/05, o legislativo municipal, há vários anos, não havia sido tão desprivilegiado. Uma sessão sem uso de microfones por que a mesa de som esta com defeito, sem transmissão porque o cabo que liga a Câmara a Radio Altaneira FM esta cortado. Ficava clara a desmotivação dos membros do nosso Parlamento em apresentar, defender ou debater matéria no plenário daquela Augusta Casa.

Antes de ser encerrada a Sessão, os Vereadores foram unanimes em solicitar da Presidência soluções imediatos a tais problemas. Para o Vereador Genival Ponciano, PTB, “há uma falta de capacidade, compromisso e preocupação da Presidenta em resolver tais problemas e melhorar os trabalhos e para o acompanhamento da população aos nossos trabalhos.”

A Presidenta se defende dizendo que não sabe fazer o serviço e que já foi atrás de muitas pessoas para consertar os cabos e ou fazer a transmissão via internet e as pessoas não vem. Chegou a afirmar que “irá comprar os cabos e junto dos Vereadores irá esticar o cabo, da Câmara até a Rádio, e todos irão aprender a fazer o serviço pra num ficar pensando que eu não quero resolver o problema.”

Imaginamos como será que a Presidenta Dilma administra um País tão grande como o Brasil. Será que ela sabe resolver tudo sozinha? O Cid Gomes governa um Ceará imenso com mais de 180 municípios, como será que faz?

Hoje a Câmara de Altaneira conta com 7 Assessores entre Contador, Advogado, Tesoureiro, etc. Acredito que é necessário que seja delegado função e autonomia para que um desses Assessores se encarregue de resolver e zelar por essas ferramentas importantíssimas para o Parlamento municipal. Até porque existe na esfera legislativa o cargo de Assessor de Comunicação que pode muito bem ser esse o responsável por isso.

"Chamo a atenção e preocupação tanto dos Parlamentares Altaneirenses como de toda comunidade que foi anunciado em sessões anteriores que provavelmente na sessão do dia 14 de maio será analisado e votado os dois Projetos de Lei  que tratam sobre a CONTRIBUIÇÃO DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA e o CÓDIGO TRIBUTÁRIO. E precisamos que a comunidade nos acompanhem e veja o posicionamento dos Vereadores e as suas defesas em prol da nossa comunidade."

Afirmamos na Sessão que se no dia 14 os problemas persistirem nós do grupo oposicionista não iremos votar tais projetos, como forma de protesto a tamanho descaso. Pois começamos a entender q tudo não passa de manobra politica, pura politicagem,  para que a população não acompanhem nossos trabalhos e que a aprovação de tais projetos polêmicos passem na calada de todos. O que não iremos aceitar.